Número total de visualizações de página

30 de junho de 2012

Lágrima


Ilustração de Milos Koptak
 

 Dos olhos me cais,
 redonda formosura. 
Quase fruto ou lua,
cais desamparada.
Regressas à água
mais pura do dia,
obscuro alimento 
de altas açucenas.
Breve arquitectura
da melancolia.
Lágrima, apenas.

Eugénio de Andrade, in Coração do dia

Quando junho voltar

Ilustração de Anna Wadham


A quem deste a mão, confiaste
a sua seda? O ardor
do verão caiu ao rio,
a tão amada voz perdeu
o seu rebanho.
Quando junho voltar,
quem saberá onde fará a casa?



Eugénio de Andrade, in O outro nome da terra