Número total de visualizações de página

25 de novembro de 2012

Cultura light

Ilustrações de Susan Herbert

...não é estranho que a literatura mais representativa da nossa época seja a literatura light, leve, ligeira, fácil, uma literatura que sem o menor rubor se propõe antes de mais e sobretudo (e quase exclusivamente) divertir.


 
A literatura light,como o cinema light e a arte light, dá a impressão cómoda ao leitor e ao espectador de ser culto, revolucionário, moderno, e de estar na vanguarda com um mínimo de esforço intelectual. Deste modo, essa cultura que se pretende avançada e de rutura, na verdade propaga o conformismo através das suas piores manifestações: a complacência e a autossatisfação.


Mario Vargas Llosa, in A Civilização do Espetáculo,Quetzal, pp. 34,35  

Aborrecimento cultural

Ilustração de Giedra Purlytė-Mažrimienė



Nos nossos dias, o consumo massivo de marijuana, cocaína, ectasy, crack, heroína, etc., está relacionado com um ambiente cultural de prazeres fáceis e rápidos, que os imunizem contra a preocupação e a responsabilidade, em vez do encontro consigo mesmos através da reflexão e da introspeção, atividades eminentemente intelectuais que são aborrecidas para uma cultura inconstante e lúdica.


Mario Vargas Llosa, in A Civilização do Espetáculo, Quetzal, pp.38-39