Número total de visualizações de página

25 de novembro de 2012

Cultura light

Ilustrações de Susan Herbert

...não é estranho que a literatura mais representativa da nossa época seja a literatura light, leve, ligeira, fácil, uma literatura que sem o menor rubor se propõe antes de mais e sobretudo (e quase exclusivamente) divertir.


 
A literatura light,como o cinema light e a arte light, dá a impressão cómoda ao leitor e ao espectador de ser culto, revolucionário, moderno, e de estar na vanguarda com um mínimo de esforço intelectual. Deste modo, essa cultura que se pretende avançada e de rutura, na verdade propaga o conformismo através das suas piores manifestações: a complacência e a autossatisfação.


Mario Vargas Llosa, in A Civilização do Espetáculo,Quetzal, pp. 34,35  

Sem comentários:

Enviar um comentário